BlogueDoSouzahttp://www.bloguedosouza.com/ennoreply@blogger.com (Luiz Claudio C. Souza)Fri, 08 Mar 2013 12:30:45 PSTBlogger http://www.blogger.com543125http://creativecommons.org/licenses/by/3.0/BlogueDoSouzahttp://feedburner.google.comSubscribe with Live.comHugo Chávez vive: 50 verdades sobre Hugo Chávez e a Revolução Bolivarianahttp://feedproxy.google.com/~r/BlogueDoSouza/~3/Xvy1N9BPxTU/hugo-chavez-vive-50-verdades-sobre-hugo.htmlHugo ChávezCelacCANTVRevolução BolivarianaAlbaPDVSAVenezuelaSimon BolívarEletricidade de Caracasnoreply@blogger.com (Luiz Claudio C. Souza)Thu, 07 Mar 2013 18:08:16 PSTtag:blogger.com,1999:blog-7334683474981297401.post-1415562660903110712013-03-07T23:08:16.862-03:000As razões pelas quais o chefe de Estado venezuelano marcou para sempre a história da América Latina 1. Jamais, na história da América Latina, um líder político alcançou uma legitimidade democrática tão incontestável. Desde sua chegada ao poder em 1999, houve 16 eleições na Venezuela. Hugo Chávez ganhou 15, entre as quais a última, no dia 7 de outubro de 2012. Sempre derrotou seus rivais com uma diferença de 10 a 20 pontos percentuais. 2. Todas as instâncias internacionais, desde a União Europeia até a Organização dos Estados Americanos, passando pela União de Nações Sul-Americanas e pelo Centro Carter, mostraram-se unânimes ao reconhecer a transparência das eleições. 3. Jimmy Carter, ex-presidente dos Estados Unidos, inclusive declarou que o sistema eleitoral da Venezuela era “o melhor do mundo”. 4. A universalização do acesso à educação, implementada em 1998, teve resultados excepcionais. Cerca de 1,5 milhão de venezuelanos aprenderam a ler e a escrever...<br/> <br/> Visite o sítio para continuar a ler esta e outras matérias tendo como alvo a democratização da comunicação, as reformas de base e os direitos humanos no Brasil.<img src="http://feeds.feedburner.com/~r/BlogueDoSouza/~4/Xvy1N9BPxTU" height="1" width="1"/>http://www.bloguedosouza.com/2013/03/hugo-chavez-vive-50-verdades-sobre-hugo.htmlHugo Chavez vive: A Revolução Não Será Televisionadahttp://feedproxy.google.com/~r/BlogueDoSouza/~3/H2TCy6-ZMko/hugo-chavez-vive-revolucao-nao-sera.htmlA Revolução Não Será TelevisionadaHugo ChavezsocialismoRevolução BolivarianaVenezuelaPalácio MirafloresBolivarianonoreply@blogger.com (Luiz Claudio C. Souza)Fri, 08 Mar 2013 12:30:45 PSTtag:blogger.com,1999:blog-7334683474981297401.post-45750402747404984252013-03-08T17:30:45.183-03:002O documentário A revolução não será televisionada, filmado e dirigido pelos irlandeses Kim Bartley e Donnacha O’Briain, apresenta os acontecimentos do golpe contra o governo do presidente Hugo Chávez, em abril de 2002, na Venezuela. Os dois cineastas estavam na Venezuela realizando, desde setembro de 2001, um documentário sobre o presidente Hugo Chavez e o governo bolivariano quando, surpreendidos pelos momentos de preparação e desencadeamento do golpe, puderam registrar, inclusive no interior do Palácio Miraflores, seus instantes decisivos, respondido e esmagado pela espetacular reação do povo. É apresentado o cenário em que se desencadeiam os acontecimentos de abril de 2002. A Venezuela está entre os cinco maiores países produtores de petróleo do mundo, sendo um dos maiores fornecedores dos Estados Unidos. Ao assumir a presidência, em 1998, Hugo Chavez passou a defender a distribuição dos rendimentos auferidos com o petróleo para investimentos sociais voltados à maioria do povo...<br/> <br/> Visite o sítio para continuar a ler esta e outras matérias tendo como alvo a democratização da comunicação, as reformas de base e os direitos humanos no Brasil.<img src="http://feeds.feedburner.com/~r/BlogueDoSouza/~4/H2TCy6-ZMko" height="1" width="1"/>http://www.bloguedosouza.com/2013/03/hugo-chavez-vive-revolucao-nao-sera.htmlDemocratização da Comunicação: Mais de 90 entidades já assinaram a Nota Pública para que o Governo Federal paute o debatehttp://feedproxy.google.com/~r/BlogueDoSouza/~3/XeBhttWBKHs/democratizacao-da-comunicacao.htmlOlígopólio MidiáticoLei de Meiosliberdade de expressãoMarco Regulatório da ComunicaçãoMinistério das ComunicaçõesFNDCdemocratização da ComunicaçãoCezar Alvareznoreply@blogger.com (Luiz Claudio C. Souza)Sun, 03 Mar 2013 09:18:42 PSTtag:blogger.com,1999:blog-7334683474981297401.post-4381443110212762112013-03-03T14:18:42.345-03:000Mais de noventa entidades de vários segmentos da sociedade civil, além de militantes da luta pelo direito à comunicação, já aderiram a Nota Pública divulgada pelo FNDC pela democratização da comunicação no Brasil e contra a postura do governo federal em não pautar o debate.&nbsp; Mais de noventa entidades de vários segmentos da sociedade civil, além de militantes da luta pelo direito à comunicação, já aderiram a Nota Pública divulgada pelo Fórum Nacional pela Democratização da Comunicação (FNDC) na última sexta-feira, dia 22. A nota rechaça a atitude do governo federal em não colocar em pauta o debate público da democratização da comunicação no país. O FNDC critica a declaração do secretário-executivo do Ministério das Comunicações, Cezar Alvarez, no último dia 20, de que o governo federal não vai tratar da reforma do marco regulatório das comunicações.&nbsp;Para assinar basta enviar e-mail para o contato secretaria@fndc.org.br Acompanhe as atualizações clicando...<br/> <br/> Visite o sítio para continuar a ler esta e outras matérias tendo como alvo a democratização da comunicação, as reformas de base e os direitos humanos no Brasil.<img src="http://feeds.feedburner.com/~r/BlogueDoSouza/~4/XeBhttWBKHs" height="1" width="1"/>http://www.bloguedosouza.com/2013/02/democratizacao-da-comunicacao.htmlNota Pública: Governo Federal rompe compromisso com a sociedade no tema da comunicaçãohttp://feedproxy.google.com/~r/BlogueDoSouza/~3/6zyiqp_nBWA/nota-publica-governo-federal-rompe.htmlMINCMarco Regulatório das ComunicaçõesProjeto de Lei de Iniciativa PopularMarco Civil da InternetRádio DigitalFNDCConfecomdemocratização da ComunicaçãoPNBLnoreply@blogger.com (Luiz Claudio C. Souza)Sat, 23 Feb 2013 16:34:21 PSTtag:blogger.com,1999:blog-7334683474981297401.post-23486553494902326952013-02-23T21:34:21.804-03:000A declaração do secretário-executivo do Ministério das Comunicações, no último dia 20, de que este governo não vai tratar da reforma do marco regulatório das comunicações, explicita de forma definitiva uma posição que já vinha sendo expressa pelo governo federal, seja nas entrelinhas, seja pelo silêncio diante do tema. A justificativa utilizada – a de que não haveria tempo suficiente para amadurecer o debate em ano pré-eleitoral – é patética. Apesar dos insistentes esforços da sociedade civil por construir diálogos e formas de participação, o governo Dilma e o governo do ex-presidente Lula optaram deliberadamente por não encaminhar um projeto efetivo de atualização democratizante do marco regulatório. Mas o atual governo foi ainda mais omisso ao sequer considerar a proposta deixada no final do governo do seu antecessor e por não encaminhar quaisquer deliberações aprovadas na I Conferência Nacional de Comunicação (Confecom), realizada em 2009. O que fica claro é a...<br/> <br/> Visite o sítio para continuar a ler esta e outras matérias tendo como alvo a democratização da comunicação, as reformas de base e os direitos humanos no Brasil.<img src="http://feeds.feedburner.com/~r/BlogueDoSouza/~4/6zyiqp_nBWA" height="1" width="1"/>http://www.bloguedosouza.com/2013/02/nota-publica-governo-federal-rompe.htmlDemocratização da Comunicação: O debate com Marina Silva ( REDE ) http://feedproxy.google.com/~r/BlogueDoSouza/~3/fmy957wwab4/democratizacao-da-comunicacao-o-debate.htmlLei de Meioslatifundio do arHeloisa HelenamonopólioSustentabilidadeMarina SilvaRedeCoronelismo Eletrônicodemocratização da ComunicaçãooligopólioComunicação Socialnoreply@blogger.com (Luiz Claudio C. Souza)Sat, 23 Feb 2013 07:57:56 PSTtag:blogger.com,1999:blog-7334683474981297401.post-44900267054320638752013-02-23T12:57:56.673-03:000Por João Telésforo Medeiros Filho Publico aqui relato do debate sobre democratização da comunicação que fiz, representando o B&amp;D, com a candidata do PV à presidência da República, Senadora Marina Silva, no roda-viva que promovemos na UnB na última quinta-feira. No final do post, abordarei a reação às respostas dela na imprensa (que mereceu até um artigo específico, no Blog do Noblat). PS: veja aqui os vídeos desse trecho do debate com Marina.&nbsp; Como fruto das lutas populares contra a ditadura e pela democracia, a sociedade brasileira consagrou, na Constituição de 1988, o direito à liberdade de pensamento e de expressão. Sob forte memória do sofrimento imposto pela censura, pela negação da voz no espaço público, a Constituinte instituiu a atividade de radiodifusão como serviço público, para garantir o direito de todos à informação e à comunicação. Se os meios de comunicação são os canais por meio dos quais a sociedade se informa e se manifesta, eles não podem,...<br/> <br/> Visite o sítio para continuar a ler esta e outras matérias tendo como alvo a democratização da comunicação, as reformas de base e os direitos humanos no Brasil.<img src="http://feeds.feedburner.com/~r/BlogueDoSouza/~4/fmy957wwab4" height="1" width="1"/>http://www.bloguedosouza.com/2013/02/democratizacao-da-comunicacao-o-debate.htmlJosé Garcia Lima dirigente da CUT-RJ: A anulação do julgamento do "mensalão"http://feedproxy.google.com/~r/BlogueDoSouza/~3/Iucm7PE0OiM/jose-garcia-lima-dirigente-da-cut-rj.htmlJosé Garcia LimaBanco do BrasilRoberto GurgelJoaquim BarbosaSTFCUTJosé DirceuAP 470/STFVisanetRetrato do BrasilMensalãonoreply@blogger.com (Luiz Claudio C. Souza)Tue, 19 Feb 2013 15:49:45 PSTtag:blogger.com,1999:blog-7334683474981297401.post-26672187886304721232013-02-19T20:49:45.908-03:000Como fazer para anular as decisões do STF sobre o "julgamento" do "mensalão"? O documento que segue abaixo é de autoria do companheiro José Garcia, dirigente da CUT Rio de Janeiro. O leitor poderá observar que o texto do autor depois de demonstrar que o Julgamento do “mensalão” é uma farsa e exigir sua anulação, encerra-o com duas palavras: Simples assim! Importantes e justas as posições de José Garcia. A Esquerda Marxista vem batendo nesta tecla desde há muito. Afirmamos e reiteramos: o “mensalão” é parte de um ataque da burguesia contra as lutas e as organizações dos trabalhadores. O Julgamento deve ser anulado, suas sentenças sobre o “mensalão” devem ser anuladas! Mas quem imporá ao STF a anulação do julgamento senão a força das mobilizações dos trabalhadores?&nbsp;Está de pé nossa carta dirigida às direções da CUT e do PT em 5 de novembro para que convoquem um Encontro Nacional de Trabalhadores em defesa do PT e da CUT. Contra a criminalização do movimento operário e...<br/> <br/> Visite o sítio para continuar a ler esta e outras matérias tendo como alvo a democratização da comunicação, as reformas de base e os direitos humanos no Brasil.<img src="http://feeds.feedburner.com/~r/BlogueDoSouza/~4/Iucm7PE0OiM" height="1" width="1"/>http://www.bloguedosouza.com/2013/02/jose-garcia-lima-dirigente-da-cut-rj.htmlAto de criação do Fórum Permanente em Defesa da Democracia, Contra os Erros do STF no Julgamento da AP 470/STF: Pró Verdade e Justiçahttp://feedproxy.google.com/~r/BlogueDoSouza/~3/X3ho0cdE6-w/ato-de-criacao-do-forum-permanente-em.htmlBanco do BrasilRoberto GurgelJosé GenoinoJoaquim BarbosaDNAClaus RoxinJosé DirceuAP 470/STFHenrique PizzolatoDomínio da FatoVisanetMensalãonoreply@blogger.com (Luiz Claudio C. Souza)Mon, 18 Feb 2013 15:58:28 PSTtag:blogger.com,1999:blog-7334683474981297401.post-20797704092319402672013-02-18T20:58:28.491-03:00006/02/2013 - Apenas o primeiro passo - Theófilo Rodrigues (*) &nbsp;“Primeiro levaram os negros Mas não me importei com isso Eu não era negro Em seguida levaram alguns operários Mas não me importei com isso Eu também não era operário Agora estão me levando Mas já é tarde. Como eu não me importei com ninguém Ninguém se importa comigo”. (Bertold Brecht) Não, não aceitaremos. Não, não calaremos. O julgamento da AP 470, pejorativamente chamado de “mensalão” pela imprensa estabelecida, foi ele próprio um crime com o qual não podemos concordar. O inacreditável julgamento onde as provas de inocência foram arquivadas inverteu a lógica do Estado de direito com a transformação dos inocentes em réus e dos juízes em culpados. “Não tenho prova cabal contra Dirceu – mas vou condená-lo porque a literatura jurídica me permite”, afirmou a ministra Rosa Weber em um&nbsp;pronunciamento digno de tempos de ditadura que não queremos que volte mais em...<br/> <br/> Visite o sítio para continuar a ler esta e outras matérias tendo como alvo a democratização da comunicação, as reformas de base e os direitos humanos no Brasil.<img src="http://feeds.feedburner.com/~r/BlogueDoSouza/~4/X3ho0cdE6-w" height="1" width="1"/>http://www.bloguedosouza.com/2013/02/ato-de-criacao-do-forum-permanente-em.htmlO importante ato na ABI pela anulação do julgamento da AP 470/STF http://feedproxy.google.com/~r/BlogueDoSouza/~3/Ldo98W8mDJ4/o-importante-ato-na-abi-pela-anulacao.htmlMentirãoABIJoaquim BarbosaJosé DirceuAP 470/STFMarcos ValérioHildegard AngelRoberto Gurgel. PGRRicardo LewandowskyMensalãoAltamiro Borgesnoreply@blogger.com (Luiz Claudio C. Souza)Sat, 02 Feb 2013 04:51:57 PSTtag:blogger.com,1999:blog-7334683474981297401.post-13212841842603984432013-02-02T10:51:57.598-02:003Venho, como cidadã, como jornalista, que há mais de 40 anos milita na imprensa de meu país, e como vítima direta do Estado Brasileiro em seu último período de exceção, quando me roubou três familiares, manifestar publicamente minha indignação e sobretudo minha decepção, meu constrangimento, meu desconforto, minha tristeza, perante o lamentável espetáculo que nosso Supremo Tribunal Federal ofereceu ao país e ao mundo, durante o julgamento da Ação Penal 470, apelidada de Mensalão, que eu pessoalmente chamo de Mentirão. Mentirão porque é mentirosa desde sua origem, já que ficou provada ser fantasiosa a acusação do delator Roberto Jefferson de que havia um pagamento mensal de 30 dinheiros, isto é, 30 mil reais, aos parlamentares, para votarem os projetos do governo. Mentira confirmada por cálculos matemáticos, que demonstraram não haver correlação de datas entre os saques do dinheiro no caixa do Banco Rural com as votações em plenário das reformas da Previdência e...<br/> <br/> Visite o sítio para continuar a ler esta e outras matérias tendo como alvo a democratização da comunicação, as reformas de base e os direitos humanos no Brasil.<img src="http://feeds.feedburner.com/~r/BlogueDoSouza/~4/Ldo98W8mDJ4" height="1" width="1"/>http://www.bloguedosouza.com/2013/02/o-importante-ato-na-abi-pela-anulacao.htmlAnulação do julgamento da AP 470/STF: debate na ABI com juristas, jornalistas, movimentos sociais e militantes. Convidado especial, José Dirceuhttp://feedproxy.google.com/~r/BlogueDoSouza/~3/O4BvNVA3Bbw/anulacao-do-julgamento-da-ap-470stf.htmlRoberto JeffersonJosé GenuinoABIRoberto Gurgeldomínio do fatoClaus RoxinJosé DirceuAP 470/STFRicardo LewandowskifarsaVisanetMensalãonoreply@blogger.com (Luiz Claudio C. Souza)Tue, 29 Jan 2013 10:50:46 PSTtag:blogger.com,1999:blog-7334683474981297401.post-60500226300088716172013-01-29T16:50:46.686-02:002Será às 19 horas da próxima quarta-feira, dia 30, na sede da Associação Brasileira de Imprensa, à rua Araujo Porto Alegre, 71, Centro do Rio, a realização de um evento que pretende mostrar para a sociedade brasileira os erros que, segundo seus organizadores, foram cometidos ao longo do processo que julgou e condenou, no Supremo Tribunal Federal, os acusados na Ação Penal 470, conhecida como a do "mensalão petista". Tal evento consistirá de um amplo debate do qual participarão livremente qualquer cidadão interessado e para o qual foram confirmadas as presenças da jornalista Hildegard Angel, militante dos Direitos Humanos, da integrante da Executiva Estadual do PT, Fernanda Carísio, ex-presidente do Sindicato dos Bancários do Rio, do jornalista Raimundo Pereira, editor da revista Retrato do Brasil, do advogado Adriano Pilatti, professor da PUC-Rio e do jornalista Altamiro Borges, coordenador do Centro de Estudos de Mídia Alternativa Barão de Itararé, assim como, na...<br/> <br/> Visite o sítio para continuar a ler esta e outras matérias tendo como alvo a democratização da comunicação, as reformas de base e os direitos humanos no Brasil.<img src="http://feeds.feedburner.com/~r/BlogueDoSouza/~4/O4BvNVA3Bbw" height="1" width="1"/>http://www.bloguedosouza.com/2013/01/anulacao-do-julgamento-da-ap-470stf.htmlNova lei da TV por Assinatura: conteúdo nacional, realidade ou ficção?http://feedproxy.google.com/~r/BlogueDoSouza/~3/o28sLy6GYQk/nova-lei-da-tv-por-assinatura-conteudo.htmlAncineClaroTV por AssinaturaMarco Regulatório das Comunicaçõescotas de programaçãoNETTV a caboconteúdo nacionalAnatelCineBrasilTVSKYnoreply@blogger.com (Luiz Claudio C. Souza)Tue, 29 Jan 2013 09:16:25 PSTtag:blogger.com,1999:blog-7334683474981297401.post-62539759968073679912013-01-29T15:16:25.048-02:000Considerada pela sociedade civil o primeiro passo em direção ao tão necessário Marco Regulatório das Comunicações, a nova lei da TV por Assinatura estabelece os termos dos serviços de telecomunicações de interesse coletivo prestado em regime privado. &nbsp;Em que pese a vitória dos movimentos sociais após cinco anos de luta, uma das principais determinações da lei - a instituição de cotas de programação de conteúdo nacional e independente e de canais de programadoras independentes nacionais -, infelizmente segue deturpada. &nbsp;Coincidentemente na semana em que programadoras nacionais credenciadas para cumprimento das cotas tornam público que operadores pagam pela veiculação valores abaixo do mínimo necessário para a manutenção de um canal. A justificativa apresentada por quatro diferentes grupos de operadoras (Vivo TV, Oi TV, CTBC e DTH Family) para o não carregamento de canais de cotas inclui, entre outras coisas, "altos preços" cobrados pelos canais credenciados e...<br/> <br/> Visite o sítio para continuar a ler esta e outras matérias tendo como alvo a democratização da comunicação, as reformas de base e os direitos humanos no Brasil.<img src="http://feeds.feedburner.com/~r/BlogueDoSouza/~4/o28sLy6GYQk" height="1" width="1"/>http://www.bloguedosouza.com/2013/01/nova-lei-da-tv-por-assinatura-conteudo.htmlDemocratização da Comunicação: América Latina segue o debate, sem o Brasilhttp://feedproxy.google.com/~r/BlogueDoSouza/~3/ZxOT_TYlEW8/democratizacao-da-comunicacao-america.htmlTelecomunicaçõesLey dos MeiosMarco Regulatóriodemocratização da ComunicaçãoComunicaçõesAmérica Latinanoreply@blogger.com (Luiz Claudio C. Souza)Wed, 23 Jan 2013 14:37:05 PSTtag:blogger.com,1999:blog-7334683474981297401.post-61155230933567141082013-01-23T20:37:05.033-02:000Presidente de México, Enrique Peña Nieto Depois de Venezuela, Argentina, Bolívia e Equador, agora o México anuncia a criação de uma nova lei para a telecomunicação. O Brasil segue ausente, deste que, na América Latina, é um dos debates mais importantes da atualidade: o Marco Regulatório das (tele)comunicações. O Brasil, embora considerado o principal líder político e econômico dos países da América Latina e a 6ª potência mundial, mais uma vez fica para trás no debate da regulação das comunicações. Na última semana, foi a vez do governo mexicano anunciar o envio para o parlamento de um novo projeto de lei para as telecomunicações. De acordo com o governo mexicano, essa seria a única forma de combater o difícil acesso à telefonia celular e a radiodifusão e de fortalecer a capacidade do órgão antimonopólio e &nbsp;estabelecer tribunais para agilizarem as constantes disputas legais. O país entra agora para a lista de governos latino-americanos como Venezuela,...<br/> <br/> Visite o sítio para continuar a ler esta e outras matérias tendo como alvo a democratização da comunicação, as reformas de base e os direitos humanos no Brasil.<img src="http://feeds.feedburner.com/~r/BlogueDoSouza/~4/ZxOT_TYlEW8" height="1" width="1"/>http://www.bloguedosouza.com/2013/01/democratizacao-da-comunicacao-america.htmlDemocratização da Comunicação: Portaria viabiliza duas emissoras de TV Comunitária sinal aberto e digital em cada município brasileirohttp://feedproxy.google.com/~r/BlogueDoSouza/~3/vkdfB7isjhU/democratizacao-da-comunicacao-portaria.htmlTV abertamovimentos sociaisCanal da Cdadaniademocratização da ComunicaçãoTV digitalTV ComunitáriaConselho de Comunicaçãonoreply@blogger.com (Luiz Claudio C. Souza)Fri, 25 Jan 2013 11:59:57 PSTtag:blogger.com,1999:blog-7334683474981297401.post-199098685653202592013-01-25T17:59:57.122-02:000Alberto Mejía TVC-RJ Portaria cria Canal da Cidadania: serão duas emissoras comunitárias por município em sinal aberto Após muita expectativa das entidades que participam das emissoras comunitárias no Brasil, finalmente saiu a regulamentação do Canal da Cidadania, uma emissora em sinal aberto, que poderá ser captada por todas as TVs com o processo de digitalização. O Ministério das Comunicações publicou no dia 18 de dezembro a portaria nº 489/12, regulamentando o Canal da Cidadania, previsto no decreto que criou o Sistema Brasileiro de TV Digital (5820/2006). Como o sinal digital ocupa menos espaço no espectro eletromagnético, será possível a veiculação de pelo menos quatro faixas de programação no referido canal. Ou mesmo cinco: "A Secretaria de Serviços de Comunicação Eletrônica poderá, a qualquer tempo, determinar a inclusão de uma quinta faixa destinada à programação de órgãos e entidades vinculados a União...”(Artigo 4.2.3). Serão duas faixas com programação produzida por...<br/> <br/> Visite o sítio para continuar a ler esta e outras matérias tendo como alvo a democratização da comunicação, as reformas de base e os direitos humanos no Brasil.<img src="http://feeds.feedburner.com/~r/BlogueDoSouza/~4/vkdfB7isjhU" height="1" width="1"/>http://www.bloguedosouza.com/2013/01/democratizacao-da-comunicacao-portaria.htmlDemocratização da Comunicação na América Latina: Argentina e Uruguai editam Lei dos Meios. No país do plim-plim, nenhum avanço.http://feedproxy.google.com/~r/BlogueDoSouza/~3/UVylQsrDma0/democratizacao-da-comunicacao-na.htmlPluralidadePaulo BernardoLei de Meiosmonopólios de comunicaçãocensuraliberdade de expressãoUruguaidemocratização da ComunicaçãoDilma RousseffMarcos DantasDiversidadeArgentinanoreply@blogger.com (Luiz Claudio C. Souza)Tue, 08 Jan 2013 02:32:28 PSTtag:blogger.com,1999:blog-7334683474981297401.post-39197005076208706032013-01-08T08:32:28.371-02:004José (Pepe) Mujica A Lei dos Meios na Argentina teve seu modelo seguido pelo Uruguai, que decidiu colocar um freio nos monopólios de comunicação do país. A Secretaria de Comunicação da Presidência do governo José Mujica, editou um decreto nesta quarta (02) e limitou a quantidade de afiliadas que podem ter as empresas privadas de televisão.&nbsp;Por La diversidad, evitando oligopolios,&nbsp;diz a Secretaria de comunicação em seu site oficial.&nbsp; O decreto limita a 25% o total de domicílios que uma empresa pode alcançar em todo o país e a 35% em cada território. “Sem afetar direitos adquiridos, se entende necessário limitar a participação no mercado de operadores de televisão para afiliadas, evitando a geração de monopólios e oligopólios”, pontua. O decreto recorda que, no início, o mercado de serviços de televisão para afiliados se constituiu com base no princípio de territorialidade. Mas, atualmente, esse mercado está dominado por operadores que, em sua...<br/> <br/> Visite o sítio para continuar a ler esta e outras matérias tendo como alvo a democratização da comunicação, as reformas de base e os direitos humanos no Brasil.<img src="http://feeds.feedburner.com/~r/BlogueDoSouza/~4/UVylQsrDma0" height="1" width="1"/>http://www.bloguedosouza.com/2013/01/democratizacao-da-comunicacao-na.htmlDemocratização da Comunicação: Sindicatos ligados a CUT e ao PT criam rede de comunicaçãohttp://feedproxy.google.com/~r/BlogueDoSouza/~3/aCAGHFUeJYY/democratizacao-da-comunicacao.htmlTVTRevista do BrasilPTLulaCUTABCD MaiorValter SanchessindicatosJosé Dirceudemocratização da Comunicaçãonoreply@blogger.com (Luiz Claudio C. Souza)Thu, 27 Dec 2012 14:34:53 PSTtag:blogger.com,1999:blog-7334683474981297401.post-16136751307746213062012-12-27T20:34:53.967-02:000Sindicatos ligados à CUT (Central Única dos Trabalhadores) e ao PT fortaleceram nos últimos meses uma espécie de rede de comunicação que dispõe de emissoras de TV, rádios, revistas, jornais e sites de notícias. O projeto, planejado desde a década de 1980, é voltado "para quem não está satisfeito com o que encontra na mídia comercial", como dizem seus organizadores no site da Rede Brasil Atual. Após Rose e Valério, Lula só dá entrevistas à TVT A rede busca ir além do tradicional jornalismo sindical, produzindo conteúdo para o público em geral. A operação tem custo estimado de R$ 800 mil mensais e inclui um corpo de 170 jornalistas. Na semana passada, o ex-presidente Lula mencionou a expansão da emissora, em entrevista à TVT (TV do Trabalhador, que integra a rede). "A TVT, se Deus quiser, vai evoluir muito", disse Lula. "Deixa sair a antena da Paulista para comemorarmos." Em 2013, uma antena geradora na avenida Paulista permitirá ao canal ser sintonizado na Grande São...<br/> <br/> Visite o sítio para continuar a ler esta e outras matérias tendo como alvo a democratização da comunicação, as reformas de base e os direitos humanos no Brasil.<img src="http://feeds.feedburner.com/~r/BlogueDoSouza/~4/aCAGHFUeJYY" height="1" width="1"/>http://www.bloguedosouza.com/2012/12/democratizacao-da-comunicacao.htmlFederação Nacional dos Jornalistas (Fenaj) cria Comissão da Verdade e Justiçahttp://feedproxy.google.com/~r/BlogueDoSouza/~3/BoeRicXSGZM/federacao-nacional-dos-jornalistas.htmlFENAJSérgio Murillo de AndradeAudálio DantastorturaGilney Amorim VianaRose NogueiraNilmário MirandaVladimir HerzogComissão da VerdadeCarlos Alberto Oliveiraditadura militarnoreply@blogger.com (Luiz Claudio C. Souza)Wed, 26 Dec 2012 03:08:33 PSTtag:blogger.com,1999:blog-7334683474981297401.post-78709048847715937982012-12-26T09:08:33.180-02:000&nbsp;“Pela primeira vez, vamos montar um acervo a partir do olhar dos jornalistas. Eles contarão a sua história desse período”, Celso Schröder, presidente da Federação. Além de casos conhecidos como a perseguição ao tabloide “O Pasquim” e a morte do jornalista de Vladimir Herzog, espera-se que muitas outras histórias ainda desconhecidas sejam reveladas. “Tenho viajado e percebido que há casos por todo o país que estão pouco registrados ou registrados muito localmente”, afirmou. A Federação Nacional dos Jornalistas (Fenaj) realizou, entre os dias 07 e 10 de novembro, em Rio Branco-AC, seu 35º Congresso Nacional, com tema: “Os desafios do Jornalismo e sua contribuição para o desenvolvimento sustentável”. A programação girou sobre questões como aquecimento global, política energética, desmatamento, Código Florestal, etc., contando com debatedores de diversos órgãos e institutos, porém com pouca representação dos movimentos sociais e dos povos da floresta. Coube então...<br/> <br/> Visite o sítio para continuar a ler esta e outras matérias tendo como alvo a democratização da comunicação, as reformas de base e os direitos humanos no Brasil.<img src="http://feeds.feedburner.com/~r/BlogueDoSouza/~4/BoeRicXSGZM" height="1" width="1"/>http://www.bloguedosouza.com/2012/12/federacao-nacional-dos-jornalistas.htmlRelator da ONU defende a democratização da comunicação brasileira http://feedproxy.google.com/~r/BlogueDoSouza/~3/t_bH3AfHih0/relator-da-onu-defende-democratizacao.htmlONUConcessões de Rádio e TVPaulo BernardoLei de MeiosFrank la Rueliberdade de expressãoLey de MediosFNDCdemocratização da Comunicaçãonoreply@blogger.com (Luiz Claudio C. Souza)Wed, 19 Dec 2012 02:54:29 PSTtag:blogger.com,1999:blog-7334683474981297401.post-7961113252660742932012-12-19T08:54:29.734-02:000Para Frank La Rue, o problema é que os grandes conglomerados esquecem que as mídias comunitárias também são imprensa e que as telecomunicações não podem ser vistas somente pelas óticas do mercado. O relator especial para Promoção e Proteção do Direito à Liberdade de Opinião e Expressão da Organização das Nações Unidas (ONU), Frank La Rue, defendeu que o governo brasileiro regule a distribuição das concessões de rádio e TV, com o objetivo de evitar que conglomerados dominem os meios de comunicação. Na última quinta-feira (13), La Rue participou de dois encontros sobre liberdade de expressão e concentração de mídia no Sindicato dos Engenheiros do Estado de São Paulo (SEESP) e na Câmara Municipal de São Paulo. Para La Rue, o problema é que os grandes conglomerados esquecem que as mídias comunitárias também são imprensa e que as telecomunicações não podem ser vistas somente pelas óticas do mercado, pois setores mais pobres “também têm o direito a reproduzir sua cultura para...<br/> <br/> Visite o sítio para continuar a ler esta e outras matérias tendo como alvo a democratização da comunicação, as reformas de base e os direitos humanos no Brasil.<img src="http://feeds.feedburner.com/~r/BlogueDoSouza/~4/t_bH3AfHih0" height="1" width="1"/>http://www.bloguedosouza.com/2012/12/relator-da-onu-defende-democratizacao.htmlSenadores ressaltam legado de Lula e Lindbergh denuncia “campanha de ódio”http://feedproxy.google.com/~r/BlogueDoSouza/~3/SR9_IOdLLAw/senadores-ressaltam-legado-de-lula-e.htmlBolsa FamíliaPaulo PaimditaduragolpismoTFPPresidente LulaWalter PinheiroLindbergh FariasWellington Diasnoreply@blogger.com (Luiz Claudio C. Souza)Thu, 13 Dec 2012 17:00:06 PSTtag:blogger.com,1999:blog-7334683474981297401.post-57568219998655726402012-12-13T23:00:06.958-02:000A “campanha de ódio” movida por setores conservadores e grandes veículos de comunicação contra o ex-presidente Luiz Inácio lula da Silva “empobrece a democracia” e revela-se o último recurso de forças políticas que, incapazes de gestar uma alternativa para o País, movem-se apenas pelo ressentimento. A avaliação é do senador Lindbergh Farias (PT-RJ), que ocupou a Tribuna do senado, nesta quita-feira (13), para repudiar as sistemáticas insinuações contra o ex-presidente veiculadas por parte da imprensa. “Lula representa tudo o que eles mais odeiam. Lula é aquela pobre criança do sertão nordestino que deveria ter morrido antes dos 5 anos, mas que sobreviveu. Lula é aquele miserável retirante nordestino que veio para São Paulo buscar, contra todas as probabilidades, emprego e melhores condições de vida, e conseguiu”, apontou Lindbergh, que foi aparteado pelos petistas Paulo Paim (RS), Wellington Dias (PI) e pelo líder da bancada, Walter Pinheiro (BA). Para Paulo...<br/> <br/> Visite o sítio para continuar a ler esta e outras matérias tendo como alvo a democratização da comunicação, as reformas de base e os direitos humanos no Brasil.<img src="http://feeds.feedburner.com/~r/BlogueDoSouza/~4/SR9_IOdLLAw" height="1" width="1"/>http://www.bloguedosouza.com/2012/12/senadores-ressaltam-legado-de-lula-e.html União da Juventude Socialista convoca Tuitaço: #MexeuComLulaMexeuComigohttp://feedproxy.google.com/~r/BlogueDoSouza/~3/3Z2UxRXcy8Y/uniao-da-juventude-socialista-convoca.htmlgolpe nunca maisTuitaçoThe EconomistPIGUJSDireitamídia golpistaLulaDilmaAP 470/STFMarcos Valériocapital financeironoreply@blogger.com (Luiz Claudio C. Souza)Thu, 13 Dec 2012 10:06:11 PSTtag:blogger.com,1999:blog-7334683474981297401.post-43558426435214790412012-12-13T16:06:11.615-02:000Desde o julgamento da ação penal 470, em que a mídia/tucanato, tentou a todo custo impor uma derrota as forças de esquerda, iniciou-se uma nova ofensiva contra o ex-presidente Lula e seu legado de transformações sociais profundas. &nbsp;A ação coordenada pela direita, mídia e capital financeiro ficaram nítidas nos últimos dias, primeiro, depois de sucessivos cortes na taxa de juros, o The economist pede a cabeça do ministro da fazenda, pressionando desta maneira a presidenta Dilma a mudar o rumo da política econômica. Não nos enganamos quanto a esta opinião, não passa de uma encomenda, de dentro para fora, não à toa o presidente Lula criticou os banqueiros em seminário sobre desenvolvimento na França, “são eles (banqueiros) que pagam as propagandas que saem lá”, referindo-se aos grandes meio de comunicação. Se de um lado é preciso provar que a política econômica do governo Lula/Dilma é um fracasso, é preciso também desgastar a imagem do ex-presidente Lula, pois, sua...<br/> <br/> Visite o sítio para continuar a ler esta e outras matérias tendo como alvo a democratização da comunicação, as reformas de base e os direitos humanos no Brasil.<img src="http://feeds.feedburner.com/~r/BlogueDoSouza/~4/3Z2UxRXcy8Y" height="1" width="1"/>http://www.bloguedosouza.com/2012/12/uniao-da-juventude-socialista-convoca.htmlEm Brasília relator da ONU participa de atividades na campanha pela democratização da comunicação http://feedproxy.google.com/~r/BlogueDoSouza/~3/yw82osXOKh0/em-brasilia-relator-da-onu-participa-de.htmlONUPara Expressar a LiberdadeFrank la Rueliberdade de expressãomídiaLey de MediosFNDCdemocratização da ComunicaçãoDireitos Humanosnoreply@blogger.com (Luiz Claudio C. Souza)Mon, 10 Dec 2012 15:48:53 PSTtag:blogger.com,1999:blog-7334683474981297401.post-43491017043863889142012-12-10T21:48:53.940-02:000Frank la Rue participa de atividades em Brasília e São Paulo a convite do FNDC e da campanha “Para Expressar a Liberdade” O relator especial para promoção e proteção do direito à liberdade de opinião e expressão da Organização das Nações Unidas (ONU), Frank la Rue, estará em Brasília e São Paulo entre os dias 11 e 13/12 a convite do Fórum Nacional pela Democratização da Comunicação (FNDC) para participar de atividades da campanha “Para Expressar a Liberdade”, que reivindica um novo marco regulatório para as comunicações no país. O relator participa de debates públicos na Câmara Municipal de São Paulo e na Universidade de Brasília, e terá reuniões institucionais com ministros e parlamentares. Ele também receberá relatos de casos de violação da liberdade de expressão e acesso à informação por parte de entidades da sociedade civil brasileira. La Rue tem se manifestado em defesa de medidas de combate à concentração dos meios de comunicação e em apoio à liberdade e garantia...<br/> <br/> Visite o sítio para continuar a ler esta e outras matérias tendo como alvo a democratização da comunicação, as reformas de base e os direitos humanos no Brasil.<img src="http://feeds.feedburner.com/~r/BlogueDoSouza/~4/yw82osXOKh0" height="1" width="1"/>http://www.bloguedosouza.com/2012/12/em-brasilia-relator-da-onu-participa-de.htmlComo é visto no país do plim-plim a democratização da comunicação na Argentinahttp://feedproxy.google.com/~r/BlogueDoSouza/~3/6--PeLvPMBE/como-e-visto-no-pais-do-plim-plim.htmlONU7DLei de Meiosliberdade de expressãoLa Naciondemocratização da ComunicaçãoGrupo ClarinCristina Kirchnernoreply@blogger.com (Luiz Claudio C. Souza)Sat, 08 Dec 2012 18:03:11 PSTtag:blogger.com,1999:blog-7334683474981297401.post-46690184129590617522012-12-09T00:03:11.242-02:002Este vídeo mostra o que se esconde por trás dos ataques sistemáticos da mídia brasileira contra a presidenta da Argentina, Cristina Kirchner. Para entender o jogo da mídia contra o que chamam de "kirchnerismo" é importante contextualizar a situação. Antes, vamos usar uma analogia metafórica. Você mora numa grande cidade em que três padarias controlam a qualidade, a variedade e o preço dos pães que você consome. E uma antiquada lei diz que só os políticos podem liberar concessões para novas padarias. E a maioria dos políticos (responsáveis pela tal lei) são donos das padarias; ou amigos destes; ou representantes dos mesmos. Daí, um governante assume a responsabilidade para criar uma nova lei que visa quebrar o cartel, dificultar o monopólio e facilitar o surgimento de novas padarias. O que faz o sindicato dos donos das padarias? Começa a espalhar panfletos dizendo que o governante quer controlar a produção de pães na cidade e ameaça a sua liberdade de escolher o pão que...<br/> <br/> Visite o sítio para continuar a ler esta e outras matérias tendo como alvo a democratização da comunicação, as reformas de base e os direitos humanos no Brasil.<img src="http://feeds.feedburner.com/~r/BlogueDoSouza/~4/6--PeLvPMBE" height="1" width="1"/>http://www.bloguedosouza.com/2012/12/como-e-visto-no-pais-do-plim-plim.htmlDemocratização da Comunicação: Argentina e a reta final da nova lei de meioshttp://feedproxy.google.com/~r/BlogueDoSouza/~3/gt9TvFaZG0U/democratizacao-da-comunicacao-argentina.html7D ArgentinaNova Lei de Meiosmonopólioliberdade de expressãodemocratização da ComunicaçãoGrupo ClarinCristina Kirchnerditadura militarnoreply@blogger.com (Luiz Claudio C. Souza)Thu, 06 Dec 2012 18:20:02 PSTtag:blogger.com,1999:blog-7334683474981297401.post-64689781979077946012012-12-07T00:20:02.882-02:000O que a nova legislação prevê, amplamente aprovada no Congresso argentino em 2009, com votos até de parlamentares de oposição, é o fim do monopólio. A garantia da diversidade de opinião. A abertura a setores da sociedade para que exponham seus pontos de vista. Ou seja, tudo aquilo que monopólios como o do grupo Clarín mais odeiam no mundo. Atentado à liberdade é se estender por todos os segmentos – rádios, televisão aberta, televisão fechada, jornais –, praticando tudo que é golpe baixo para eliminar concorrentes.&nbsp; O governo argentino foi claro: espera até a meia-noite da sexta-feira, 7 de dezembro, para que os 21 grupos de comunicações afetados pela nova Lei de Meios apresentem seus ‘planos de adequação’. Ou seja: digam o que pretendem fazer com a quantidade de licenças para televisão aberta, televisão paga (cabo ou satélite) e emissoras de radio que excede o teto permitido pela nova legislação, aprovada em 2009. É que nesse dia vence a liminar concedida há um ano...<br/> <br/> Visite o sítio para continuar a ler esta e outras matérias tendo como alvo a democratização da comunicação, as reformas de base e os direitos humanos no Brasil.<img src="http://feeds.feedburner.com/~r/BlogueDoSouza/~4/gt9TvFaZG0U" height="1" width="1"/>http://www.bloguedosouza.com/2012/12/democratizacao-da-comunicacao-argentina.htmlReforma Política: Nas votações a hora de se ver quem é quem no congresso nacionalhttp://feedproxy.google.com/~r/BlogueDoSouza/~3/rRa7hjAvDp0/reforma-politica-nas-votacoes-hora-de.htmlFinanciamento Público de CampanhaReforma Políticacaixa-doisHenrique Fontanalista abertapartidos políticosMarco MaiaEleições Geraislista fechadanoreply@blogger.com (Luiz Claudio C. Souza)Wed, 05 Dec 2012 08:19:43 PSTtag:blogger.com,1999:blog-7334683474981297401.post-374456900861512732012-12-05T14:19:43.428-02:000Reforma política vai para o tudo ou nada na Câmara ainda este ano "Cada vez mais a eleição é decidida pelo fator econômico, e o que deveria ser o principal – ideias, projetos, história de vida, credibilidade do candidato – é substituído pela potência financeira. No último pleito para a Câmara, das 513 campanhas mais caras, em cada estado, 380 tiveram sucesso. A relação entre vitória eleitoral e capacidade de arrecadação é direta." São Paulo – O deputado federal Henrique Fontana (PT-RS) disse à RBA que o projeto de lei que propõe a reforma no sistema político brasileiro nunca será votado por acordo. "É um acordo de procedimento de votação o que temos que fazer, e aí cada bancada vai exercer sua opinião", analisou o parlamentar, que é relator da matéria na Câmara, em entrevista concedida ontem (3). "A questão é enfrentar o momento. Alguns temas poderão ser vitoriosos, outros derrotados, mas a temática é votar."Fontana explica que quatro pontos da reforma política têm apresentado mais...<br/> <br/> Visite o sítio para continuar a ler esta e outras matérias tendo como alvo a democratização da comunicação, as reformas de base e os direitos humanos no Brasil.<img src="http://feeds.feedburner.com/~r/BlogueDoSouza/~4/rRa7hjAvDp0" height="1" width="1"/>http://www.bloguedosouza.com/2012/12/reforma-politica-nas-votacoes-hora-de.htmlInglaterra prende jornalistas regula a mídia e cria conselho de comunicação independentehttp://feedproxy.google.com/~r/BlogueDoSouza/~3/jMk4yJQzRLw/inglaterra-prende-jornalistas-regula.htmlLei de MeiosFranklin MartinsPolicarpo JuniorCPMI do CachoeiraLuiza ErundinaVejaética jornalísticademocratização da ComunicaçãoConselho de Comunicaçãonoreply@blogger.com (Luiz Claudio C. Souza)Sat, 01 Dec 2012 03:28:18 PSTtag:blogger.com,1999:blog-7334683474981297401.post-87222880095225849472012-12-01T09:28:18.925-02:000Mesmo o Reino Unido, onde praticamente inexistia qualquer regulamentação ao setor da mídia, passa agora à fase de criação de um conselho independente, formado pela sociedade, equidistante do governo e das empresas, para que abusos sejam contidos e, por exemplo, possam ser coibidas as associações entre jornalistas e malfeitores. Na Inglaterra, a disseminação de grampos telefônicos ilegais levou à prisão, entre outros, a ex-editora-chefe do diário londrino News of The World, Rebekah Brooks. No Brasil, o conluio entre jornalistas e criminosos, a exemplo do que ocorreu nos fatos investigados pela Comissão Parlamentar Mista de Inquérito (CPMI) do Cachoeira, entre o diretor da revista semanal de ultradireita Veja, Policarpo Júnior, e o contraventor Carlos Augusto Ramos, o Carlinhos Cachoeira, foram barradas na CPMI. A divulgação do relatório produzido pela Justiça britânica acerca dos abusos cometidos pela imprensa, naquele país, desperta a proposta que dorme no Congresso...<br/> <br/> Visite o sítio para continuar a ler esta e outras matérias tendo como alvo a democratização da comunicação, as reformas de base e os direitos humanos no Brasil.<img src="http://feeds.feedburner.com/~r/BlogueDoSouza/~4/jMk4yJQzRLw" height="1" width="1"/>http://www.bloguedosouza.com/2012/12/inglaterra-prende-jornalistas-regula.htmlO que a mídia oligopolizada e de direita não diz sobre a Operação Porto Segurohttp://feedproxy.google.com/~r/BlogueDoSouza/~3/-Xc-FJkxeQc/o-que-midia-oligopolizada-e-de-direita.htmlOperação Porto SeguroSuzana FairbanksRosemary Nóvoa de NoronhaMPFLulaJosé DirceuCasa CivilANACANAnoreply@blogger.com (Luiz Claudio C. Souza)Wed, 28 Nov 2012 18:12:30 PSTtag:blogger.com,1999:blog-7334683474981297401.post-41191441232414579482012-11-29T00:12:30.973-02:003São Paulo – A Polícia Federal (PF) e a Procuradoria da República em São Paulo têm 600 páginas com conteúdo da investigação sobre a ex-chefe de gabinete da Presidência da República em São Paulo, Rosemary Nóvoa de Noronha. Ela é acusada de participar de um esquema criminoso infiltrado em órgãos federais, alvo da Operação Porto Seguro, deflagrada na última sexta-feira (23). A Casa Civil exonerou Rosemary do cargo, na última segunda-feira (28), e abriu investigação interna sobre o caso. A PF recolheu e fez cópia da memória de computadores e documentos em posse da ex-chefe de gabinete. Sua sala, no escritório da Presidência da República em São Paulo, e sua casa foram alvo de ação da PF. A procuradora da República Suzana Fairbanks, que coordenou a investigação no Ministério Público Federal (MPF) em São Paulo, em conjunto com a PF: 1 - Rebateu a informação de que ocorreram centenas de telefonemas entre a ex-chefe de gabinete e Lula. “Eu não sei de onde saiu isso, porque...<br/> <br/> Visite o sítio para continuar a ler esta e outras matérias tendo como alvo a democratização da comunicação, as reformas de base e os direitos humanos no Brasil.<img src="http://feeds.feedburner.com/~r/BlogueDoSouza/~4/-Xc-FJkxeQc" height="1" width="1"/>http://www.bloguedosouza.com/2012/11/o-que-midia-oligopolizada-e-de-direita.htmlO caso Rosemary Noronha e a democratização da comunicaçãohttp://feedproxy.google.com/~r/BlogueDoSouza/~3/v_VuGn1ej7c/o-caso-rosemary-e-democratizacao-da.htmlOperação Porto SeguroRosemary NoronhaLei de ImprensaLuiz GushikenCPMI do CachoeiraOrlando SilvaSTFPolicarpoErenice GuerraVejademocratização da Comunicaçãonoreply@blogger.com (Luiz Claudio C. Souza)Thu, 29 Nov 2012 03:17:27 PSTtag:blogger.com,1999:blog-7334683474981297401.post-32978151831228823532012-11-29T09:17:27.244-02:002"Dadas as condições materiais tipicamente de classe média de Rosemary Noronha e a vagueza das acusações de tráfico de influência - ainda mais contra uma agente radicada em São Paulo, longe do poder concentrado no Planalto Central - não se deve descartar a hipótese de que, assim como ocorreu com Erenice Guerra, com Luiz Gushiken e com Orlando Silva, trate-se, ao final, de mais um factoide para abastecer a mídia de manchetes escandalosas contra Lula e o PT. O modo como os jornais têm tratado as perfeitamente aceitáveis duas viagens oficiais ao ano efetuadas pela ex-secretária na última década chamando-as de "a volta ao mundo de Rosemary" – sugere exatamente isso." "Já vimos esse filme várias vezes, e a sensação de déjà vu é inevitável: se, ao final, a acusada for proclamada inocente, como aconteceu com os personagens citados, uma notinha escondida na página 11 será a compensação pela enxurrada de manchetes e reportagens televisivas. Os danos morais, a desqualificação...<br/> <br/> Visite o sítio para continuar a ler esta e outras matérias tendo como alvo a democratização da comunicação, as reformas de base e os direitos humanos no Brasil.<img src="http://feeds.feedburner.com/~r/BlogueDoSouza/~4/v_VuGn1ej7c" height="1" width="1"/>http://www.bloguedosouza.com/2012/11/o-caso-rosemary-e-democratizacao-da.html